Tormento
€10,00   Papel

Tormento

Sinopse

Não é a vida o que de melhor nos aconteceu? E não será a morte o melhor que nos poderá acontecer? Eu não sei… o meu lápis, aquele carvão gasto, há-de saber…
Disse que:
“Duas pessoas podem estar juntas, estando afastadas desde que mutuamente amadas.”
Nunca aconteceu…
Mas também disse:
“A minha palavra não vale nada.
A minha intenção (…) renegada.
Mas a minha palavra é o meu gesto, e a minha mão não se move senão para escrever…
É como que um romance em versos tímidos, aquele que decidi apresentar. Aquele romance que nunca aconteceu, mas que foi vivido. Aquela vida que foi dada, mas não retribuída. Uma vontade destemida em amar, mas, ao mesmo tempo, uma resposta fria, gelada, sem nexo.
Nunca soube se um poema deveria falar de um caminhante misterioso, de um tempo glorioso, de um amante e de um amor, de uma terra, de mim, ou de alguém. Mas, para que conste, não sou eu que decido este ou aquele conteúdo, aquela ou a outra rima, o verso ou a estrofe interessante. A decisão é apontada por algo que me move, um sentimento ou uma emoção.
A tu que lês, entrega-te de coração.

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.